Skip to main content
  1. Home >
  2. Soluções >
  3. Fujitsu Cloud >
  4. Como obter o equilíbrio perfeito

Hybrid IT

HYBRID DOES IT
Equilíbrio Perfeito Hybrid IT em 2017 Segredos da gestão HIVE cta5_127x93_vermelho cta6_127x93_vermelho
Hybrid IT: como obter o equilíbrio perfeito

Com a ascensão da cloud, as organizações têm colhido melhorias em agilidade, inovação e vantagens competitivas. Aliás, a vantagem tem sido tão óbvia – sobretudo em áreas como o software-as-a-service ou o aluguer de poder informático a fornecedores de cloud pública – que as unidades de ramo de actividade fora das TI tomaram, elas próprias, muitas decisões de aquisição de cloud.
Isto levou a um gasto e controlo de TI mais descentralizado. E isso pode ser tão exigente para a gestão de entrega de serviço e conformidade de uma organização como potenciador de negócio para as organizações.
Além disso, já há poucas pessoas a falar apenas ‘na cloud’. Ouvimos frequentemente a palavra híbrida. Há a cloud híbrida – usada no sentido de uma combinação de serviços de cloud públicas e privadas – mas também há alguns que entendem híbrida como um mundo de negócios digitais e tradicionais. Estes são apenas dois usos da mesma palavra, mas Hybrid IT representa muito mais.

A visão da Fujitsu
Hybrid IT é um conceito abrangente. Também significa algo diferente para todos. Varia porque tem a ver com o equilíbrio certo entre serviços TI tradicionais e baseados na cloud. No centro da Hybrid IT está a flexibilidade e a capacidade de mudar o equilíbrio ao longo do tempo para reflectir as necessidades da organização. Essa foi claramente uma falha de algumas TI anteriores – com a fiabilidade e a robustez a quase impedirem qualquer flexibilidade real. Isto é algo que a que a Hybrid IT responde muito bem.
Temos de ver a cloud como os alicerces transformadores dos nossos Managed Services, sustentando os negócios e a inovação social. A adopção da cloud irá variar por sector e organização mas, independentemente do nível e do tipo específico de cloud, os serviços de gestão de Hybrid IT da Fujitsu cobrem todas as necessidades.



A Hybrid IT abarca as TI tradicionais e a cloud; são aquilo de que o seu departamento TI trata e aquilo que subcontratou; está localizado na empresa e fora dela; são a tecnologia que sabe que possui e as restantes tecnologias e serviços que cloud que as suas unidades de negócio das empresas compram directamente. A Hybrid IT equilibra de forma inteligente a agilidade, inovação e as melhores práticas a par de governance, gestão de risco e gestão de custos. Em última análise, elas permitem ver tudo de um único ponto – uma das razões que as leva a serem atractivas para CIOs e para a administração – porque o controlo central é muito importante num mundo em que as unidades de negócio estão a usar a cloud directamente. Podemos dividir as vantagens da Hybrid IT em três áreas:

Crescimento

Para muitas empresas, a Hybrid IT suporta o crescimento, a competitividade e a inovação em diversos sectores e globalmente. Também tem de permitir escalabilidade. Finalmente, a promessa de serviços TI on-demand, pay-as-you-go, chegou. No sector público, pode significar crescimento num sentido diferente – maior retorno por cada investimento tecnológico, melhor produtividade dos colaboradores.
Nos vários sectores, falamos de melhor colaboração com fornecedores, parceiros e clientes, potenciando resultados ao nível de clientes e negócio, bem como uma adopção mais rápida e flexível das novas tecnologias e serviços.
Para muitas organizações, a Hybrid IT estará no centro de uma melhoria da experiência do cliente e de uma transformação digital. As empresas compreendem as necessidades das suas unidades de negócio em contratar novos serviços cloud, mas têm de assegurar uma integração e gestão de custos adequada.

Riscos e Custos

Hybrid IT também significa segurança. Os custos inesperados da cloud podem tornar-se um desafio, com contas que podem chegar aos milhões se não tiverem sido aplicadas regras de governance apropriadas. Gerir estes custos poderá depender de uma série de abordagens: migrar aplicações para a cloud pública ou para clouds privadas, usando fornecedores de software-as-a-service ou managed services não-cloud tradicionais.
Uma organização que aposte na Hybrid IT pode gerir estes riscos de segurança e de custo ao mesmo tempo que inova rapidamente.

Produtividade

A Hybrid IT potencia a produtividade nas organizações a vários níveis. Os colaboradores obtêm acesso a serviços muito mais depressa, através de self-service por exemplo, acelerando a inovação, ao mesmo tempo que os CIOs podem alcançar o nível de controlo de gestão operacional que qualquer administração espera.
Um dos grandes objectivos é uma melhor produtividade do utilizador, por exemplo através de uma integração eficaz de aplicações - a Fujitsu RunMyProcess possibilita essa integração inteligente.