Skip to main content
  1. Home >
  2. Sobre a Fujitsu>
  3. Fujitsu Disponibiliza Novos Níveis de Desempenho com a Série PRIMEQUEST 2000

Fujitsu Disponibiliza Novos Níveis de Desempenho com a Série PRIMEQUEST 2000

Lisboa, February 19, 2014

* Novos níveis de desempenho de servidor x86 para computação in-memory e aplicações exigentes
* A série Fujitsu Server PRIMEQUEST 2000 combina funcionalidades de elevada disponibilidade ao nível de UNIX com eficiência de custos x86
* Sistemas dão prioridade a uptime ininterrupto e apresentam a Reconfiguração Dinâmica, uma estreia no sector



A Fujitsu anuncia hoje a gama FUJITSU Server PRIMEQUEST 2000, uma novíssima série de servidores topo de gama que oferece elevada expansibilidade de memória e um desempenho x86 sem precedentes. A introdução de uma inovadora funcionalidade "mission critical" garante continuidade do negócio, com níveis de disponibilidade equivalentes aos dos sistemas UNIX — mas com as vantagens de custo de uma arquitectura baseada em x86. primequest2000
A nova série PRIMEQUEST 2000 define novos níveis de desempenho e resiliência do sistema que não têm rival em qualquer outro sistema x86. A Fujitsu disponibiliza alicerces muito sólidos para infra-estruturas de data center para organizações focadas em transformar as suas TIC em soluções de negócios inteligentes, através da adopção de aplicações que usam tecnologia in-memory, como a plataforma SAP HANA.
A nova gama Fujitsu PRIMEQUEST inclui servidores com 8 processadores e capacidade de memória de até 12TB, com o modelo PRIMEQUEST 2800B a ser o mais adequado para lidar com aplicações maiores que exigem muita memória. O modelo topo de gama Fujitsu PRIMEQUEST 2800E também obteve o melhor resultado para 8 processadores a correr sobre Windows no benchmark1 SAP Sales and Distribution (SD) de dois níveis, um novo recorde mundial.


Execução ininterrupta com eficiência de custos x86

Com o lançamento da série PRIMEQUEST 2000, uma solução baseada em x86 é, pela primeira vez, capaz de alcançar tanto o desempenho como a resiliência de um sistema UNIX, ao mesmo tempo que vence o argumento do preço/desempenho. Como tal, a Fujitsu apresenta às empresas um caminho alternativo para implementações "mission critical", em que o downtime não planeado não é uma opção. Complementando este lançamento, a Fujitsu também oferece aos clientes empresariais serviços profissionais chave-na-mão para efectuar a migração a partir de sistemas legados de forma simples e isenta de problemas – com uma rede Fujitsu Global Delivery Center capaz de gerir remotamente e monitorizar instalações 24 horas por dia2

A Fujitsu deu prioridade máxima à execução ininterrupta de aplicações "mission critical" quando desenhou a nova série PRIMEQUEST. Os sistemas incluem componentes avançados de fiabilidade, disponibilidade e manutenção (RAS) que possuem, de origem, uma resiliência a falhas que se podem desenvolver durante a execução – mas que, de outro modo, levariam os servidores a encerrar. Os PRIMEQUEST são capazes de detectar e compensar automaticamente estas falhas, assegurando que os sistemas se mantêm activos.

Os modelos topo de gama Fujitsu PRIMEQUEST 2400E e 2800E também apresentam uma novidade do sector: a nova funcionalidade Reconfiguração Dinâmica permite a substituição online de placas de sistema. Os volumes de trabalho podem ser mudados de uma partição para outra num servidor activo, evitando assim a necessidade de qualquer downtime planeado ou mesmo de reinícios do sistema operativo


PRIMEQUEST: Confiança por todo o mundo

Com a apresentação da série 2000, a Fujitsu alarga agora a família PRIMEQUEST como a sua principal solução de infra-estrutura baseada em x86. Graças à sua fiabilidade e desempenho extraordinários, várias gerações dos servidores Fujitsu PRIMEQUEST têm sido alvo da confiança de clientes por todo o mundo para lidar com as suas aplicações "mission critical", como a empresa de telecomunicações marroquina Méditel, a Autoridade Geral de Aviação Civil da Arábia Saudita (GACA), a empresa de telecomunicações brasileira VIVO e o Banco Bradesco, uma das principais instituições financeiras do Brasil.


Citações de suporte

Hans-Dieter Wysuwa, Vice-Presidente Executivo, Tecnologia de Produtos e Canal, Negócios Internacionais, Fujitsu

“O mercado dos servidores está a atravessar tempos revolucionários. A nossa nova infra-estrutura PRIMEQUEST apresenta às empresas uma nova escolha de plataforma para executarem as suas aplicações "mission critical", ao mesmo tempo que fornece os componentes base perfeitos para incorporar tecnologias inovadoras como a computação in-memory. Os PRIMEQUEST são capazes de ir ao encontro de novas exigências que já não estão ao alcance da tecnologia de data center existente, como requisitos de memória muitíssimo maiores combinados com altos níveis de uptime. A nova série Fujitsu PRIMEQUEST 2000 é a primeira tecnologia de servidores baseados em x86 capaz de igualar os sistemas UNIX nas suas capacidades RAS, ao mesmo tempo que fornece argumentos atractivos no que diz respeito a preço do sistema e custo operacional.”

Shannon Poulin, Vice-Presidente de Marketing do Data Center Group da Intel

“Com o aparecimento da nova série Fujitsu PRIMEQUEST, que aproveita a recentemente apresentada família de processadores Intel Xeon E7 v2, os clientes da Fujitsu serão presenteados com uma solução "mission critical" única na forma como lida com os volumes de processamento mais exigentes. A Intel trabalhou de perto com a Fujitsu para combinar um desempenho de classe mundial e elevada disponibilidade por um custo TCO inferior, contra o qual os sistemas alternativos baseados em UNIX simplesmente não conseguem competir. Também nos agrada ver inovações como a Reconfiguração Dinâmica que melhora a proposta de valor dos PRIMEQUEST enquanto líderes de soluções "mission critical" resilientes.”

Jim Totton, Vice-Presidente e Director Geral, Unidade de Negócios de Plataformas, Red Hat, Inc.

“Desde o surgimento do PRIMEQUEST em 2005, a Red Hat e a Fujitsu continuam a colaborar em funcionalidades empresariais em Red Hat Enterprise Linux, disponibilizando uma plataforma fiável e flexível necessária para executar e manter ambientes operativos "mission critical". A série PRIMEQUEST 2000 fornece uma solução de partição de hardware, executa Red Hat Enterprise Linux e oferece novas abordagens à manutenção do uptime do sistema, ao mesmo tempo que disponibiliza um conjunto de recursos informáticos flexível, com funcionalidades como a Reconfiguração Dinâmica. Esta capacidade de escalar a capacidade da infra-estrutura no momento, à medida das flutuações dos requisitos de negócio, mostra o empenho continuado da Red Hat e da Fujitsu em disponibilizar soluções robustas, escaláveis e fiáveis para os sistemas empresariais mais críticos."

Nils Brauckmann, Presidente e Director Geral, SUSE

“Os clientes contam há muito com a Fujitsu para lhes fornecer infra-estruturas para data center altamente eficientes e de confiança. A Fujitsu e a SUSE optimizaram o SUSE Linux Enterprise Server para obter o máximo desempenho por watt na plataforma de servidores Fujitsu PRIMEQUEST, ideal para empresas que estejam a modernizar os seus data centers com soluções fiáveis, escaláveis e energeticamente eficientes.”


 


Preços e disponibilidade

A nova série FUJITSU PRIMEQUEST 2000 pode ser encomendada a partir do final deste mês. No lançamento, a Fujitsu disponibiliza três modelos PRIMEQUEST distintos. O preço varia consoante a região e as especificações. O PRIMEQUEST é vendido directamente e através da rede global de parceiros Select Circle, da Fujitsu.


Notas para editores

1. O PRIMEQUEST 2800E (8 processadores / 120 núcleos / 240 threads) alcançou o melhor resultado para 8 processadores no benchmark de aplicação padrão SAP SD de dois níveis: 47.500 utilizadores de benchmark SAP. Este resultado foi alcançado executando o pacote de aperfeiçoamento 5 da SAP para a aplicação SAP ERP 6.0, SQL Server 2012 e Windows Server 2012. O número de certificação SAP não estava disponível no momento da publicação. Mais informação pode ser encontrada em www.sap.com/benchmark. Resultados à data de 18 de Fevereiro de 2014.

2. As ofertas de serviço variam consoante o país. Ver www.fujitsu.com/global/services/application/ application-development-integration/legacy-modernization


Sobre a Fujitsu

A Fujitsu é um fornecedor global de Tecnologias de Informação para o mercado global. Com cerca de 170.000 pessoas a apoiar clientes em mais de 100 países, a Fujitsu combina especialistas em serviços e sistemas com produtos na área da computação, telecomunicações e micro electrónica avançada de modo a proporcionar valor acrescentado aos clientes. Com sede em Tóquio, a Fujitsu Limited (TSE: 6702) apresentou receitas consolidadas de 4,4 biliões de ienes (47 mil milhões de dólares) para o ano fiscal que terminou a 31 de Março de 2013.

Sobre a Fujitsu CEMEA&I

Na Europa, Médio Oriente, África e Índia, a Fujitsu é o fornecedor líder europeu de infra-estruturas TI, com presença nos principais mercados, servindo grandes organizações, pequenas ou médias empresas e consumidores. A empresa disponibiliza um portfólio completo de produtos IT, soluções e serviços, que incluem desde soluções cliente a data center, Managed Infrastructure e Infrastructure-as-a-Service. Na CEMEA&I a Fujitsu emprega aproximadamente 13.000 pessoas e faz parte do Grupo Fujitsu. Para mais informações visite ts.fujitsu.com/aboutus

Contacto

Pedro Amaral

+351 21 914 20 55 +351 93 298 11 03
pamaral@mediabold.com
mediaBOLD

Susana Soares

21 724 44 44
susana.soares@ts.fujitsu.com
Fujitsu


Date: 19 February, 2014
City: Lisboa