Skip to main content
  1. Home >
  2. Sobre a Fujitsu>
  3. Portugal Fujitsu PRIMERGY CX1000 reescreve regras preço/desempenho da Cloud Computing

Portugal Fujitsu PRIMERGY CX1000 reescreve regras preço/desempenho da Cloud Computing

Fujitsu desvenda uma revolucionária arquitectura escalável ‘Cloud eXtension’, baseada nos novos servidores PRIMERGY CX1000

Fujitsu Technology Solutions

March 17, 2010
Fujitsu PRIMERGY CX1000 reescreve regras preço/desempenho da Cloud Computing

A Fujitsu reescreveu as regras dos centros de dados ao apresentar o revolucionário servidor PRIMERGY Cloud eXtension. O PRIMERGY CX1000 permite níveis sem precedentes de escalabilidade horizontal, ideais para Cloud Computing, e define novos padrões na economia dos centros de dados, ao optimizar os custos operacionais relacionados com energia, calor e espaço.

O PRIMERGY CX1000 foi desenhado de raiz para proporcionar o máximo poder computacional por metro quadrado, pelo preço mais baixo possível, incluindo 38 nós de servidor num rack e providenciando uma poupança mínima de 20 por cento em energia e arrefecimento quando comparado com uma arquitectura normal de servidor rack. O PRIMERGY CX adiciona uma nova classe de servidores à actual gama de modelos Fujitsu x86 PRIMERGY blade (BX), rack (RX) e torre (TX), e torna-se num pilar da estratégia global de Infrastructure-as-a-Service da Fujitsu.

Com o PRIMERGY CX1000, a Fujitsu desvenda uma nova arquitectura criativa Cool-Central™ que também poupa espaço ao acabar com a necessidade do “corredor quente” do centro de dados – o espaço atrás das racks em que o ar quente é expelido dos servidores em funcionamento. Ao invés, o PRIMERGY CX1000 possui uma chaminé interna que leva o ar quente para o topo de uma rack de tamanho normal. Isto permite que várias filas de racks PRIMERGY CX1000 sejam colocadas costas-com-costas, resultando em poupanças de espaço que podem chegar aos 40 por cento. Esta abordagem revolucionária também se traduz em reduções significativas das emissões de carbono dos operadores de centros de dados. O grupo Fujitsu aderiu à Green Policy Innovation, uma iniciativa ecológica global do sector das tecnologias da informação e comunicação que pretende ajudar os clientes a cumprir os seus compromissos ambientais. Tecnologias inovadoras como o PRIMERGY CX1000, desenhado para reduzir drasticamente a pegada ambiental, terão um papel importante no desempenho desta missão.

Ética de design concentrada no essencial
A abordagem do PRIMERGY CX1000 focada no que é essencial relativamente aos componentes individuais acaba com a necessidade de redundância total do sistema e de componentes hot-plug. Em aplicações escaláveis massivas e ambientes de sistema totalmente virtualizados, os serviços que correm em servidores que não respondem são simplesmente mudados para outro servidor através de software e reiniciados.

Assente em componentes comuns, o conceito de design simplista do PRIMERGY CX1000 passa por substituir nós de servidor individuais em caso de falha do sistema – e depois substituir os componentes danificados offline. Adicionar e remover nós não demora nada, graças à infra-estrutura partilhada do PRIMERGY CX1000 – com arrefecimento e distribuição de energia centralizados.

As exigências da Cloud Computing apanharam os operadores de centros de dados num círculo vicioso de desempenho e custo”, referiu Jens-Peter Seick, vice-presidente sénior da Divisão de Servidores x86 da Fujitsu Technology Solutions. “Hoje, as batalhas ganham-se e perdem-se na vertente preço/desempenho. Com o PRIMERGY CX1000 estamos a apresentar uma solução que vai além do desempenho escalável habitual dos servidores rack – sem exceder os orçamentos – o que é especialmente pertinente em ambientes de Cloud Computing”.

Novos produtos exigem novos serviços, e novos serviços são tornados realidade por novos produtos. O PRIMERGY CX1000 introduz uma nova abordagem híbrida que garante que iremos ao encontro das exigências únicas de cada cliente: ganhos de rentabilidade através da implementação de serviços padronizados como IaaS, mais a flexibilidade de acrescentar serviços personalizados como os Managed Services,” concluiu Seick.

O sistema PRIMERGY CX1000 inclui um processador de nova geração Intel® Xeon® série 5600, que alcança níveis inéditos de poder de processamento. Raejeanne Skillern, director de Marketing de Cloud Computing da Intel Corporation, afirma que “a Intel e a Fujitsu têm uma longa e bem sucedida história de parceria para trazer combinações valiosas de servidores PRIMERGY baseados em Intel ao mercado de servidores. Com o lançamento dos novos processadores Intel Xeon 5600 (nome de código Westmere-EP), a Intel saúda a próxima geração de ofertas alargadas de servidores da linha Fujitsu PRIMERGY e fica particularmente agradada com o novo PRIMERGY CX1000, da Fujitsu”.


Notas para o editor:

Sobre a Fujitsu

A Fujistu é um fornecedor líder de soluções tecnológicas de informação focadas na Internet para o mercado global. As suas tecnologias "pace-setting", plataformas de computação e telecomunicações líderes, e os colaboradores mundiais as áreas de sistemas e serviços tornam a Fujitsu na única empresa posicionada para lançar infinitas possibilidades na área Internet que ajudam ao sucesso dos seus clientes. Com sede em Tóquio, a Fujitsu Limited (TSE:6702) anunciou resultados consolidados de 5.48 triliões yen no ano fiscal que terminou a 31 de Março de 2001.

Contacto

Pedro Amaral
Phone Telefone:+351 21 914 20 55 +351 93 298 11 03
Email E-mail: pamaral@mediabold.com
EmpresamediaBOLD

Contacto

Susana Soares
Morada: Rua General Firmino Miguel, nº 6 - Piso A Lisboa Portugal 1649-043
Phone Telefone:21 724 44 44
Email E-mail: susana.soares@pt.fujitsu.com
EmpresaFujitsu