Skip to main content
  1. Home >
  2. Sobre a Fujitsu>
  3. Portugal ICL define estratégia europeia de serviços de e-Business e nomeia novo CEO

Portugal ICL define estratégia europeia de serviços de e-Business e nomeia novo CEO

Realinhamento das operações regionais deverá reforçar o foco da ICL na Europa,

ICL

December 12, 2000

Realinhamento das operações regionais deverá reforçar o foco da ICL na Europa, enquanto braço europeu da estratégia global de serviços de TI e de e-Business da Fujitsu

A ICL, empresa de serviços de e-Business, anunciou no passado dia 6 de Dezembro, que o Board da ICL nomeou Richard Christou, o CEO interino, como o novo CEO (ver a press release: "ICL nomeia novo CEO", Ref. 16/2000). A ICL delineou também um programa destinado a aumentar a rentabilidade e o crescimento. Os principais elementos deste programa são:

  • Focar a Europa
  • Focar o crescimento na Europa, Médio Oriente e África (EMEA), enquanto braço armado da estratégia global de serviços de TI da Fujitsu na Europa. Esta estratégia está focada no fornecimento de serviços de TI e de e-Business inovadores e reconhece a Internet como a tecnologia e a plataforma de negócios do futuro.
  • Reforçar o foco nos países EMEA através da transferência das subsidiárias norte-americanas da ICL e dos interesses nas operações na zona do Pacífico para a Fujitsu.
    Abordagem focada no Cliente
  • Alinhar as vendas do Reino Unido para melhor satisfazer as necessidades actuais e futuras dos clientes, acelerando, ao mesmo tempo, o desenvolvimento da capacidade de implementação dos serviços de e-Business, nos restantes países da Europa.
  • Gestão eficiente do negócio

Focar a Europa

Sendo o braço europeu da estratégia global de serviços de TI da Fujitsu, a ICL estará focada na Europa enquanto mantém os seus negócios bem sucedidos no Médio Oriente e África. A ICL continuará a dar ênfase aos seus pontos fortes no âmbito dos serviços de e-Business, que reforça a própria estratégia de serviços de TI da Fujitsu focada na Internet.

Segundo Richard Christou, CEO da ICL, "A dinâmica da nossa estratégia será mantida. Continuaremos a construir a nossa capacidade de serviços de e-Business com os nossos clientes, a maioria dos quais está a mudar-se para os serviços de e-Business. Operaremos os nossos actuais sistemas e serviços de negócio de uma forma eficiente e, ao mesmo tempo, forneceremos a ponte que lhes permitirá fazer a transição para sistemas baseados na Internet, ao ritmo que lhes convier".

"A distinção entre os serviços de TI e os serviços de e-Business está a desvanecer-se e é provável que desapareça dentro de alguns anos. A ICL tem como competência principal o fornecimento de sistemas cruciais (‘mission critical’) para empresas que, combinados com os nossos serviços de e-Business, encorajarão os nossos clientes a migrar mais rapidamente para o ambiente Internet".

"O nosso foco é a Europa, quer a Europa Ocidental, quer os países da Europa Central e de Leste, enquanto mantemos as nossas operações bem sucedidas no Médio Oriente e em África. Ao mesmo tempo que beneficiamos por fazer parte do grupo Fujitsu, continuaremos a operar com a marca ICL."

Para que a ICL se possa focar na Europa, a empresa planeia transferir o controlo da sua operação norte-americana, a Fujitsu-ICL Systems Inc., que emprega cerca de 1.300 pessoas, para a Fujitsu. A operação norte-americana da KnowledgePool, a empresa de formação em e-Learning, TI e business skills, permanecerá na ICL como parte integrante do grupo KnowledgePool. A ICL deverá transferir os seus interesses nas empresas da Fujitsu em Singapura, Hong Kong, Malásia e Austrália para a Fujitsu.

Focar o Cliente

A empresa continuará a fornecer uma combinação de serviços de TI para satisfazer as exigências dos seus clientes bem como serviços de e-Business de que estes necessitam para ter sucesso na nova economia. Para se concentrar em satisfazer todas as necessidades dos seus clientes, as principais divisões da ICL no Reino Unido – Infrastructure Services, Projects & Professional Services & Multivendor Computing – receberão responsabilidades de vendas dedicadas.

Na Europa continental, a tradicional base de serviços de TI a clientes da ICL é menor, pelo que esta passará mais rapidamente ao modelo de serviços de e-Business. Tomará iniciativas para fortalecer as suas capacidades de fornecimento de serviços de e-Business e as equipas de gestão, e o crescimento será atingido quer organicamente, quer, quando apropriado, inorganicamente.

Esa Tihilä, director de e-Innovation da ICL, recebeu a responsabilidade adicional de todas as operações da ICL na Europa (excluindo UK e a região nórdica). Foi encarregue de acelerar a transformação das operações nesses países para os serviços de e-Business. A ICL é já a 6ª maior empresa de serviços de e-Business na Europa (por receitas de serviços de e-Business, IDC 1999).

Gestão eficiente do negócio

A ICL está empenhada em aumentar o desempenho da empresa e em assegurar que todos os seus negócios operam numa base eficiente, obtendo assim uma plataforma estável e robusta para o aumento do negócio, e que se caracteriza pelo "alívio" da estrutura de gestão atribuindo autoridade e responsabilidade aos gestores das diferentes unidades pela performance do seu negócio.

Richard Christou comentou: "Tive que tomar decisões importantes nos últimos quatro meses, mas decidir sobre o futuro foco da ICL foi fácil. É o mesmo da Fujitsu, nomeadamente focarmo-nos nos nossos clientes e ajudá-los a perceber os benefícios da Internet. No futuro, quero que a ICL seja ainda mais energética e dinâmica e que se torne na melhor empresa europeia de serviços de e-Business."

Notas aos Editores

Sobre a ICL

A ICL é uma das empresas de soluções de TI líder na Europa, Médio Oriente e África (EMEA), empregando mais de 17700 pessoas. Desenha, desenvolve e opera sistemas e serviços de TI para clientes nos Serviços Financeiros, Telecomunicações, Retalho e Administração Pública. A ICL é um parceiro dos seus clientes no desenvolvimento dos seus negócios, com vista a torná-los mais eficientes e rentáveis, fornecendo os serviços de TI e e-Business necessários para o sucesso no mundo competitivo de hoje. Estes serviços englobam a consultoria, concepção, e integração de sistemas até aos serviços de gestão de infraestrutura que sustentam os requisitos ‘mission-critical’ para o negócio das empresas de hoje. No ano findo em 31 de Março de 2001, as receitas da empresa ascenderam a £2,418.7 milhões. Com sede em Londres, a ICL é o braço europeu da estratégia global de serviços de TI do Grupo Fujitsu.

Contacto

Paula Teixeira
Phone Telefone:21 7244269
Fax:21 7244270
Email E-mail: paula.teixeira@services.fujitsu.com