Skip to main content

Design e fabrico

A Fujitsu considera cuidadosamente o impacto ambiental em cada fase do ciclo de duração do produto, desde o design e fabrico à reciclagem do final da vida útil. A empresa implementou uma directriz interna rigorosa designada "Desenvolvimento e design de produtos com consciência ambiental", que se aplica ao desenvolvimento de todos os produtos Fujitsu. O objectivo da Directriz Ambiental da Fujitsu FTS 03230 é reduzir os resíduos, minimizar o consumo energético e eliminar substâncias perigosas.

Em linha com as directivas WEEE (Resíduos de Equipamentos Eléctricos e Electrónicos ) e RoHS (Restrição à Utilização de Certas Substâncias Perigosas) da União Europeia, a Directriz Ambiental FTS 03230 garante a conformidade ambiental desde a concepção até ao final da vida útil de um produto. A Directriz inclui uma vasta gama de directivas, desde a redução de utilização de substâncias perigosas até à garantia de que todos os produtos podem ser facilmente desmantelados e reciclados. A Directriz Ambiental faz parte de todos os Principais Contratos de Compras com fornecedores da Fujitsu.

A Fujitsu esforça-se por fabricar os produtos de forma sustentável. Por exemplo, a empresa tira o maior partido das matérias-primas, energia e água durante a produção, incorporando ciclos de reciclagem nas linhas de montagem. Além disso, ao destilar a água utilizada para lavar as máscaras de soldadura e ecrãs de impressão durante a produção de placas principais, é possível reutilizar 99% da água.

As instalações de produção da empresa na Alemanha conseguem economias substanciais de energia e materiais através de uma iniciativa de gestão ambiental e de energia. Foram introduzidas numerosas medidas desde os meados da década de 1990, que reduziram a electricidade necessária para fabricar um PC em Augsburg em mais de 50%, e o consumo energético na fábrica continua a diminuir mesmo com aumento de produção.

Política de Utilização de Químicos
A Directriz Ambiental da Fujitsu FTS 03230 garante que o impacto ambiental de químicos utilizados nos produtos é mínimo. Desde 1993, a empresa é líder na indústria no desenvolvimento e produção de PCs Ecológicos. Os produtos ecológicos, como os thin-clients FUTRO, PCs profissionais ESPRIMO e estações de trabalho CELSIUS utilizam plásticos ignífugos isentos de halogéneo e placas de circuito impressas (PCB) para placas principais e fontes de alimentação.

Posição sobre o Policloreto de Vinilo (PVC):
A Fujitsu está reduzir a utilização de policloreto de vinilo (PVC), tendo sido adicionado à lista de substâncias perigosas a evitar na Directriz Ambiental FTS 03230. O PVC não é utilizado na caixa nem em peças mecânicas dos produtos Fujitsu e apenas é utilizado nos casos em que não existe substituto aceitável. A longo prazo, a empresa está a tentar eliminar por completo a utilização de PVC e está a trabalhar em conjunto com os fornecedores para encontrar substâncias alternativas.

Posição sobre Retardadores de Chama Bromados (BFR):
De acordo com a Directriz Ambiental FTS 03230, é evitada a utilização de retardadores de chama bromados nos produtos Fujitsu. Os BFRs não são utilizados em caixas nem em peças plásticas formadas com mais de 25 gramas, o que excede os requisitos definidos na directiva europeia RoHS. A Fujitsu reduziu o conteúdo de cloro e brometo das placas de circuito impressas nos seus produtos ecológicos de 12% para menos de 0,15% e está a trabalhar com os fornecedores para eliminar a utilização de halogéneo em favor de alternativas que cumprem os requisitos de desempenho dos produtos, minimizando em simultâneo o risco de impacto ambiental e para a saúde.

Posição sobre Antimónio, Berílio e Ftalatos
De acordo com a nossa Directriz Ambiental FTS 03230, a utilização de trióxido de antimónio de berílio, incluindo ligas e compostos, assim como a utilização de determinados flalatos, é evitada nos produtos Fujitsu.

As substâncias são utilizadas em conjunto com o trióxido de antimónio em algumas peças informáticas, nos casos em que não existe alternativa à utilização de retardadores de chama bromados. A eliminação de BFR nos produtos, em que trabalhamos e que esperamos alcançar até ao final de 2010, conduz directamente à eliminação de antimónio.

O berílio não é utilizado em nenhum dos nossos produtos.

Os flalatos são utilizados como plastificante nos plásticos, especialmente nos cabos que contêm PVC. Uma vez que estamos a trabalhar e esperamos alcançar a eliminação de PVC até ao final de 2010, vamos investigar os restantes componentes em se podem encontrar flalatos.